Trem das Montanhas Capixabas


Operado desde 2010 pela Serra Verde Express, o passeio com o Trem das Montanhas Capixabas percorre um trecho de 46 quilômetros, unindo a história e cultura de pequenas cidades às belíssimas paisagens da Mata Atlântica. O passeio é feito em uma Litorina, com poltronas de couro, grandes janelas, ar condicionado e serviço de bordo.
A viagem inicia em Viana, uma cidade de influência açoriana, localizada à 23 quilômetros da capital estadual, Vitória. O trecho ferroviário foi inaugurado em 1895, sendo conhecido na época como Leopoldina Highway, em homenagem à Maria Leopoldina, primeira imperatriz do Brasil.
Durante a subida da Serra, contemplam-se pequenas propriedades rurais e áreas preservadas de Mata Atlântica. A primeira parada é em Domingos Martins, onde dois túneis e uma ponte suspensa sob o Rio Jacu são os pontos mais relevantes do trajeto.
O passeio de trem tem cerca de duas horas e meia de duração, com três paradas durante o trajeto. Nas estações, moradores vendem artesanato, doces e bolachas.

Galeria de imagens do passeio


Veja como chegar


Rua Coronel Vieira Pimentel, S/N, Centro
Viana / ES
Araguaia / ES

CEP: 29090-100
Telefone: (27) 3237-1789
E-mail:vitoria@serraverdeexpress.com.br
Saídas de Viana aos sábados, domingos e feriados às 9:00 hs. Retorno de Marechal Floriano às 12h30 com previsão de chegada em Viana as 14:40 hs.
49 km
Com 5:00 hs de duração total

Contato: (27)3237-1789 /(27)3337-7561
Estação Ferroviária de Viana-ES / Marechal Floriano -ES - (esse trecho tem 30 km)
Belas paisagens das Montanhas Capixabas.
Nas paradas é possível apreciar os biscoitos, doces, pães caseiros e licores da região.
A Estrada de Ferro Leopoldina surgiu com a construção de um trecho de ferrovia que ligava a cidade de Além Paraíba a Leopoldina, ambas no interior do estado de Minas Gerais. A construção ficou a cargo do Engenheiro Antônio Paulo de Mello Barreto e a inauguração do primeiro segmento, de 27 km, deu-se em 08 de outubro de 1874, qua ... ver mais
A Estrada de Ferro Leopoldina surgiu com a construção de um trecho de ferrovia que ligava a cidade de Além Paraíba a Leopoldina, ambas no interior do estado de Minas Gerais. A construção ficou a cargo do Engenheiro Antônio Paulo de Mello Barreto e a inauguração do primeiro segmento, de 27 km, deu-se em 08 de outubro de 1874, quando foram abertas ao tráfego as estações de São José, Pântano e Volta Grande, contando com a presença do imperador D. Pedro II e diversas autoridades. Ainda em 1874 foram concluídas as estações de São Luís e Providência, e só em julho de 1877 o trajeto foi completado, com a inauguração das estações de Cataguases (antiga Santa Rita de Meia Pataca) e Leopoldina, perfazendo um total de 120 km. A ferrovia contemplava um tráfego bastante intenso de mercadorias, com predominância do café e de passageiros. Em agosto de 1887 a Estrada de Ferro Leopoldina atingiu o território fluminense, ao adquirir a Estrada de Ferro Cantagalo, que ligava o ramal de Porto das Caixas a Macaé. Em Minas Gerais a estrada já estava bastante ramificada. Em 1890 a Leopoldina incorporou várias linhas localizadas no Rio de Janeiro e Espírito Santo ampliando, assim, seus serviços nas duas províncias.
O Trem parte de Viana, município que fica aos pés das montanhas capixabas e seu percurso cruza a Mata Atlântica, podendo-se contemplar diferentes espécies de fauna e flora. Além de belíssimos vales e montanhas.